Formação-Ação 2019

O que é? 

A Formação-Ação é uma intervenção com aprendizagem em contexto organizacional, que mobiliza e internaliza competências com vista à persecução de resultados assentes numa estratégia de mudança empresarial.

Funciona através de uma metodologia em alternância das vertentes Formação e Consultoria (na empresa), permitindo atuar ao nível dos formandos, desenvolvendo competências nas diferentes áreas de gestão e ao nível da empresa, procurando aumentar a produtividade, a capacidade competitiva e a introdução de processos de mudança/inovação nas empresas.

Ficha de Projeto

Temáticas:

  • Economia digital
  • Gestão da inovação

Investimento

A Formação-Ação é comparticipada em 90% para as empresas, excluindo as remunerações dos ativos empregados em formação durante o período normal de trabalho.

Público-alvo

Trabalhadores Independentes, Empresários em Nome Individual (com registo de NIF individual), Micro, Pequenas e Médias Empresas da Região Centro.

Aviso

10/SI/2019

Volume de Formação e Consultoria por PME

Horas de Formação-Ação

N.º Trabalhadores a abranger por PME/Temática

Formação Teórica

Consultoria

Tipologia de PME

Nº de horas de Formação

N.º de Horas de Consultoria

Total de Horas

Regime Inter

Regime Intra

Micro

75

100

175

3*

Mínimo de 6**

3*

Pequena

100

100

200

Média

125

150

275

* Valor médio máximo por PME/Temática

** Cada ação (turma) tem de cumprir um mínimo de 6 formandos

Ficha de Pré-Adesão

Baixe aqui a Ficha de Pré-Adesão

Envie a ficha preenchida e assinada para info@novotecna.pt ou para geral@novotecna.pt.

Temáticas:

Economia digital

Objetivos gerais:

Pretende-se com esta temática que as PME, evoluam na adoção de tecnologias digitais, que permitam mudanças disruptivas nos seus modelos de negócio, tornando-as mais eficientes, melhorando a produtividade e reduzindo custos económicos e de contexto, o que implica, também, uma mudança de mentalidade e cultura corporativa, nomeadamente na relação entre cliente e fornecedor.

Linhas orientadoras:

Desenvolvimento de redes modernas de distribuição e colocação de bens e serviços no mercado; criação e/ ou adequação dos modelos de negócios com vista à inserção da PME na economia digital; presença na web; introdução de sistemas de informação aplicados a novos métodos de distribuição e logística.

Público-alvo:

Esta temática é dirigida a micro, pequenas e médias empresas produtoras de bens e serviços transacionáveis e/ou internacionalizáveis ou que contribuam para a cadeia de valor dos mesmos. É dirigido essencialmente àquelas empresas que, cumprindo os requisitos definidos, pretendam ser intervencionadas, entre outras, as áreas de sensibilização aos empresários e trabalhadores para a importância digital e para a incorporação tecnológica nos modelos de negócio, de desenho e implementação de estratégias aplicadas a canais digitais para gestão de mercados, de canais, produtos ou segmentos de cliente, de desenho, implementação ou otimização de plataformas web.

Gestão da inovação

Objetivos gerais:

Na inovação visa-se a procura de soluções novas ou significativamente melhoradas ao nível de processos, produtos, organização ou marketing que permitam às PME reforçar a sua posição competitiva e melhorar o seu desempenho ou níveis de conhecimento.

Linhas orientadoras:

Desenvolver competências nas áreas de gestão da inovação, métodos de estímulo à criatividade e design thinking, construção de planos de inovação ou de desenvolvimento de novo produto/serviço ou negócio.

Público-alvo:

Esta temática é dirigida a micro, pequenas e médias empresas produtoras de bens e serviços transacionáveis e/ou internacionalizáveis ou que contribuam para a cadeia de valor dos mesmos. É dirigido essencialmente àquelas empresas que, cumprindo os requisitos definidos na regulamentação aplicável, pretendam desenvolver competências nas áreas de gestão da inovação, numa lógica de intraempreendedorismo e de partilha interempresarial de experiências.

 

 

BarraNOVOTECNA-CEC